Regional

Major Galvão confirma combate a incêndio na serra de Mãe D’água e comenta sobre ocorrências desses episódios em toda a região

ÓTICAS GUIMARÃES

Um foco de incêndio registrado no município de Mãe D’água, na tarde desta sexta-feira (17), deixou a população bastante temerosa em relação à proporção das chamas.

Nossa reportagem entrou em contato com o comandante do Corpo de Bombeiros de Patos, Major Galvão, para saber mais detalhes. Ele informou que a unidade recebeu a informação deste incêndio em Mãe D’água por volta das 15h. E confirmou o incêndio vem ocorrendo todo ano, sempre no mesmo local.

“É uma região particularmente difícil de se combater o fogo, em razão do relevo. É uma área de serra em que as viaturas não conseguem chegar, e o combate tem que ser feito a pé, por meio de mochilas que levamos com água”, detalhou o comandante.

Galvão ainda contou que o fogo diminuiu um pouco no período da noite, mas é bastante provável que retorne amanhã nos horários mais quentes.

“Aqui em nossa região é usual este tipo de incêndio no segundo semestre do ano. Especialmente no mês de setembro, as ocorrências aumentam bastante em razão das altas temperaturas, baixa umidade do ar e dos fortes ventos”, explicou.

Ainda sobre os incêndios nessa região de Patos, Galvão comentou que nas últimas semanas registrou-se várias ocorrências desta natureza em Patos, Catingueira, Santa Terezinha, Condado, Malta, São José de Espinharas e Santa Luzia.

Até o momento, a quantidade de incêndios em vegetação ainda é menor do que o número desses episódios em 2020, que foi o ano com maior número de ocorrências desta natureza, conforme garantiu Galvão.

Matéria por Patosonline.com
Informações repassadas por Major Galvão

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios