Santa Terezinha

Mãe e filha de Santa Teresinha que faleceram em São Paulo serão sepultadas nesta quinta (13)

ÓTICAS GUIMARÃES

A jovem Maria Vilani Alves de Sousa, 31, anos, que faleceu ao lado de sua filha Any Vitória Alves Rodrigues de Oliveira, 9 anos, que faleceu no quilômetro 90 da rodovia Castelo Branco, em Sorocaba-SP, será sepultada na manhã desta quinta (13), no cemitério de Santa Teresinha-PB.

O velório de Vilani e Any Vitória está acontecendo no ginásio de esportes de Santa Teresinha, desde o início da noite desta quarta (12). Durante toda a noite, muitos amigos, autoridades políticas do município, além do padre Luciano Dias de Morais, da paróquia de Santa Teresinha, estiveram prestando solidariedade aos seus familiares, que demonstraram muita força e conformação diante das circunstâncias do ocorrido.

“Minha irmã e minha sobrinha se amavam, e tenho certeza que elas estão juntas de Deus, que sabe todas as coisas” disse sua irmã, Sandra Sousa.

Vilani era filha do casal de agricultores João Nunes de Sousa (João Tejo), e Inácia Alves de Sousa (Inacinha), tinha oito irmãos, (5 mulheres e 3 homens), e viajou para São Paulo no último sábado (8), em busca de trabalho.

Ela ficaria na residência da amiga Vanessa Kelly, a quem conheceu pela internet, e providenciou o veículo conduzido pelo serralheiro André Aparecido da Rocha, 42 anos, que foi buscá-la no terminal Tietê, e a levaria ao seu local de destino.

Há um ano, ela havia concluído o curso de Bombeiro Civil na Academia Lobo Fire, na cidade de Patos.

O ACIDENTE

Vilani e Any Vitória faleceram na pista oeste da rodovia SP-280, após uma colisão com uma carreta semirreboque, por volta das 2h30 da manhã da segunda-feira (11).

Segundo informações repassadas ao Patosonline.com, por sua irmã Sandra Sousa, a Polícia Rodoviária Militar de São Paulo suspeita que o motorista do veículo onde ela estava possa ter perdido a atenção em algum momento do trajeto e batido no pneu da carreta, tendo como consequência o acidente.

Além de André, Vilani e Any Vitória, havia no veículo um outro passageiro de 53 anos que teve ferimentos leves. O motorista do caminhão e o passageiro sobrevivente confirmaram que houve a colisão, enquanto testemunhas informaram ao comando policial que os veículos transitavam no sentido (capital/interior), quando o motorista do carro colidiu contra o pneu do primeiro eixo esquerdo da carreta e acabou rodopiando na pista, e esmagado pelo contêiner.

Por Genival Junior – Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo