Lucinha, o fenômeno de votos em Patos



A coligação Renovação Popular, formada pelos partidos PCdoB, PPL, PHS, PR e PTdoB, conseguiu eleger duas vereadoras: Lucinha (PCdoB) e Cláudia Leitão (PR), a primeira com 1.713 votos e a segunda com 840 votos.

Os quatro candidatos mais bem votados da coligação, Lucinha, Cláudia, José Gonçalves e Suélio Caetano, tiveram, juntos, 3.771 votos, ou seja, a coligação só não conseguiu eleger três vereadores, porque os demais candidatos não tiveram a votação esperada, inclusive oito deles tiveram menos de 100 votos e cinco desses oito tiveram votações inferiores a 50 votos.

Lucinha, filiada ao PCdoB em 2012, é conhecida pelo empenho com que se dedica às campanhas. Nunca havia sido candidata, mas todos os que ela apoiava em campanhas passadas eram sempre eleitos.

O sindicalista José Gonçalves ficou na primeira suplência da coligação, com 680 votos. Para José Roberto, presidente do partido em Patos, a vitória de Lucinha é uma grande conquista para o partido. “Pela primeira vez tivemos o PCdoB elegendo vereador em Patos”, disse ele.

Na verdade o PCdoB já tivera um vereador na cidade, Rildian Pires, mas ele se elegeu pelo PV e só depois passou a integrar a legenda comunista.

Algumas pessoas já se anteciparam em tirar conclusões e disseram que a vereadora eleita, Lucinha, não tem o perfil do PCdoB, mas ela própria discorda dos que dizem isso. “Eu me identifiquei com esse partido e vou seguir a sua orientação caso seja eleita”, disse ela logo que se filiou à legenda.

 

Wandecy Medeiros – [email protected]