Libertadores sem torcida? Presidente da Conmebol admite possibilidade e fala sobre retorno do futebol sul-americano

Foto: Getty



Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), afirmou em entrevista à Reuters que a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana não estão descartadas de ainda acontecerem neste ano, mesmo que isso signifique jogos sem torcida.

“A Libertadores pode recomeçar quando os campeonatos locais recomeçarem, embora a questão de transporte também seja importante, tendo em vista que a maioria dos países fechou suas fronteiras”, afirmou. “Acho que as coisas voltarão ao normal, mas isso vai levar tempo. E é claro que quero ver os estádios cheios, mas se a maneira de recuperar o futebol é jogar sem torcedores, é assim que vamos jogar”.

Programados para terminar em novembro, ambos os campeonatos estão suspensos desde março devido a pandemia de coronavírus e, caso sejam retomados, o transporte deve ser o grande problema para as 76 equipes que ainda estão envolvidas.

Questionado sobre quando acredita que as partidas devem recomeçar e como seria o futebol após a pandemia, o paraguaio afirmou: “Acho difícil fazer qualquer análisa porque, no momento, ainda estamos chocados”.

Na última quinta-feira, o número de casos de coronavírus no mundo ultrapassou 1 milhão, com mais de 52 mil mortes.


ESPN.com.br




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.