Politica

Lenildo Morais parabeniza enfermeiros (as) e sindicato pela conquista da jornada de 30 horas!

Um dia depois da confirmação da aprovação do a Lei Nº 4.589/2016, que dispõe sobre a autorização da regulamentação da carga horária de 40 horas semanais, para 30 horas, dos profissionais de enfermagem, o pré-candiato a prefeito de Patos Lenildo Morais, parabenizou o Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP) e os profissionais da área de enfermagem, pela conquista. Para Lenildo a força do Sindicato, junto a união de toda a classe, foram determinantes para a redução da jornada.  

“Após dias de lutas, de batalhas travadas e finalmente de reconhecimento, parabenizo o SINFEMP e os profissionais de enfermagem por terem conquistado autorização da regulamentação da carga horária de 40 horas semanais, para 30 horas, da diminuição da jornada de trabalho para 30h semanais. Isso é mais uma prova de que temos um forte sindicato em Patos e região e também um reconhecimento merecido aos profissionais da área de enfermagem, que terão uma jornada menor, podendo prestar seus serviços com mais foco, com menos pressão psicológica, principalmente ao termino da semana de trabalho”. 

O vice-prefeito também parabenizou a presidente da câmara municipal de Patos a vereadora Nadir Rodrigues pela apresentação do projeto na casa legislativa. “Parabenizo também a vereadora Nadir Rodrigues, pela inciativa de apresentar esse projeto, ela como ninguém sabe o quanto significa essa redução, pois antes de ingressar na política já era enfermeira e assim conseguiu a aprovação da lei que reduz a jornada semana de trabalho, beneficiando a todos os seus colegas de profissão”, pontou Lenildo.

Ainda de acordo com Morais as conquistas da classe trabalhadora devem sempre ser aplaudidas, pois é através de muito esforço, muita exposição de homens e mulheres que a cada dia constroem esse país que os benefícios saem dos grandes palácios para a mesa dos trabalhadores.

SINFEMP

Para o vice-presidente do SINFEMP Zé Gonçalves a conquista pode ser considerada histórica, pois foram mais de 15 dias de greve lutando pela jornada de 30h semanais, além dessa conquista o sindicato conseguiu que não houvesse desconto nos contracheques dos servidores nem fossem constadas faltas nos que aderiram ao movimento paredista.

“Essa foi uma grande vitória pois alguns setores do serviço público municipal já trabalhavam as 30h semanais, além disso esperamos que essa jornada seja implantada imediatamente para beneficiar os profissionais que atuam nas Unidades Básicas de Saúde que era uma das nossas principais defesas”, comemorou Gonçalves. 

 

Assessoria 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close