Justiça nega o pedido de Hábeas Corpus a Prefeito de Catingueira



A justiça negou durante o dia de ontem (quarta-feira), um pedido de Hábeas Corpus, impetrado pelos advogados de devesa do prefeito de Catingueira, José Edivan Felix (PR), preso na última sexta-feira em operação da Polícia Federal.

O prefeito é acusado de participação em um esquema que usava contracheques dos funcionários da Prefeitura de Catingueira para adquirir empréstimos junto a instituições financeiras.

Edivan Felix continuará preso em uma cela especial no Presídio de Segurança Máxima Romero Nóbrega em Patos.

Redação do Patosonline.com