Justiça recebe pedido de impugnação da candidatura de Ramonilson Alves após coligação “Sou Patos” apresentar certidão de falha no sistema eletrônico



A justiça eleitoral decidiu dar prosseguimento ao pedido da coligação ‘Sou Patos’ formada pelos partidos MDB, PDT, PT, AVANTE e PSOL, referente à impugnação da chapa encabeçada pelo juiz aposentado Ramonilson Alves, do Patriotas em função de uma irregularidade em seu processo de aposentadoria estar irregular.

O advogado Cleodon Bezerra, representante da coligação “Sou Patos”, informou ao jornalista Misael Nóbrega apresentador do jornal Noticias da Manhã, da Radio Espinharas FM de Patos, 97.9, que o fato do processo de impugnação contra o Juiz Ramonilson ter sido protocolado na segunda-feira, um dia após o fim do tempo regimental, ocorreu devido a uma indisponibilidade no sistema eletrônico, conforme comprovado em certidão, fez a justiça eleitoral postergar o prazo e acatar o pedido.

“A justificativa de incapacidade alegada pelo candidato como juiz, interfere diretamente no exercício do cargo de prefeito, pleiteado nas eleições municipais de 2020”, alega a acusação.

Já o advogado Phillip Palmeira, da coligação Pra Devolver Patos ao Seu Povo, encabeçada pelo Juiz Ramonilson Alves, disse que vai realizar a defesa em tempo hábil e mostrar que “deficiência” é diferente de “invalidez”.

“O juiz se aposentou em virtude de uma deficiência monocular, que reduziu o tempo de serviço dele, jamais lhe tornou incapaz ou inválido”, disse o advogado.

A expectativa agora é que o mérito da questão processual seja julgado normalmente por ter sido considerado tempestivo o recurso, fato que deve ocorrer nos próximos dias.

Por Genival Junior – Patosonline.com