Jovem de 23 anos medicado para gripe morre do coração em Itaporanga



Josivan Teixeira de Sousa tinha 23 anos e morava no sítio Cardoso, município de Itaporanga, mas, desde a semana passada, estava com a mãe na casa da avó, que reside em uma travessa da Avenida Padre Lourenço, próxima à entrada do conjunto Miguel Morato. Ele não estava bem de saúde nos últimos dois dias, apesar de ter passado pelo hospital na véspera do falecimento.

No final da tarde desse domingo, 4, piorou e subitamente perdeu a consciência. O SAMU foi acionado e iniciou os procedimentos de socorro ao paciente. Em parada cardiorrespiratória, o rapaz foi levado para dentro da viatura médica, onde, por mais de 40 minutos, a equipe tentou uma ressuscitação cardíaca, mas o jovem veio a óbito dentro do próprio veículo.

De acordo com familiares de Josivan, que era solteiro, ele já havia se sentido mal no sábado, inclusive aparentando um cansaço, e foi levado para o hospital de Itaporanga, onde tomou um soro com medicamento para combater os sintomas de uma suposta virose e foi mandado para casa. “O que disseram no hospital é que ele estava com uma virose, mas não sabem de nada, aqui não tem saúde, principalmente pra pobre”, lamentou dona Lia, avó do jovem. Na verdade, ele tinha mais do que uma gripe.

Depois de deixar o hospital, o jovem continuou aparentando não estar plenamente bem e terminou morrendo. Segundo ainda informações de seus familiares, Josivan tinha cálculo renal e já estava com uma cirurgia marcada para Campina Grande, inclusive estava na cidade para fazer o último exame. Não houve tempo para a operação.

O velório está ocorrendo no sítio Cardoso e o sepultamento será nesta segunda-feira em Itaporanga. O jovem era filho de um casal de agricultores e tinha uma irmã. 

Folhadovale.com.br