Politica

Itaporanga ganhará mais vereadores

ÓTICAS GUIMARÃES

A câmara de Vereadores de Itaporanga recebeu oficio enviado pela juíza da 33ª zona eleitoral, a magistrada Andréia Almeida Dantas ela que presidirá as eleições vindouras e, de acordo com o recurso extraordinário decidido pelo Supremo Tribunal Federal, visa justamente fixar o número de vereadores para o próximo período legislativo 2009-2012, no entanto, a câmara através da sua lei orgânica não define os critérios para quantificar o número de parlamentares mirins e, remetendo assim para a Constituição Estadual.

A Constituição Estadual prevê que os municípios com até 5.000 habitantes tenham nove vereadores, de 5001 a 10.000 devem ter onze vereadores, de 10.001 a 20.000 que tenham 13 parlamentares mirins, e os municípios que tenham 20.001 a 30.000 terão 15 vereadores. A cidade de Itaporanga passará dos atuais nove para quinze vereadores, tendo um acréscimo considerável de mais seis assentos na casa de Adauto Antônio de Araújo para o próximo período legislativo.

O presidente da casa vereador José Valeriano da Fonsêca acredita que o aumento trará conseqüências negativas por parte da população, pois os políticos desde vereador até o presidente da república estão sem credibilidade, sendo assim um total exagero, disse Valeriano. Cada vereador de Itaporanga recebe mensalmente um salário de R$ 2.400,00 para participar de apenas uma reunião semanal que em raríssimas vezes duram mais de 90 minutos, pelo menos oitenta candidatos devem pleitear em outubro próximo um vaga entre esses privilegiados.


 


FLAVIANO SILVA

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo