Irmão faz contato e professor patoense encontrado morto tem corpo encaminhado para sepultamento



A professora Luciana Morais, que estava engajada na busca por familiares do professor Gilvan de Sousa Lins, 61 anos, que foi encontrado morto dentro de sua residência em Natal, fez contato para noticiar que um irmão apareceu e conseguiram liberar os trâmites que garantem um sepultamento digno ao mestre.

Gilvan de Sousa Lins é patoense, mas foi morar em Natal para ministrar aulas após ser aprovado em concurso público. Ele foi encontrado sem vida na última sexta-feira, dia 04 de outubro, dentro de sua casa onde morava sozinho. A perícia confirmou que o professor teve um infarto fulminante e veio a óbito.

Desde que amigos e colegas de trabalho tomaram conhecimento do fato lamentável, se começou uma busca por familiares. Sites de notícias, rádios e redes sociais se engajaram no gesto de solidariedade humana e lograram êxito.



Jozivan Antero – Patosonline.com