Inspetor da PRF alerta motoristas quanto aos acidentes envolvendo animais nas rodovias. Ouça;



O inspetor M. Silva, explicou nesta terça-feira, 04, ao jornalista Misael Nóbrega, da Rádio Espinharas 97,9 FM, e fez um alerta aos motoristas citando as principais circunstâncias envolvendo o aumentado do número de acidentes ocorridos nas BRs 230, 361 e 427, que estão sob a jurisdição da 3ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal-PRF, com sede em Patos e cortam o Sertão do estado.

De acordo com M. Silva, grande parte dos acidentes são registrados nos perímetros urbanos das BRs, quando os animais são soltos por seus proprietários, principalmente no período noturno, e costumam ocupar o leito das rodovias.

O inspetor também destacou a BR-361, que liga Patos ao Vale do Piancó, como um dos trechos mais perigosos do Sertão em relação a presença de animais, aliado a imprudência de alguns motoristas, principalmente no tocante a falta de iluminação dos veículos, uma vez que a maior parte da incidência dos acidentes ocorre no período noturno.

Ainda segundo M. Silva, o ano de 2019 registrou 23 acidentes envolvendo atropelamento de animais nas BRs, com o saldo de 24 pessoas feridas e duas mortes. Ouça as orientações do inspetor;

Patosonline.com.

Áudio de Misael Nóbrega-(Rádio Espinharas)

Inspetor M. Silva-Acidentes