Identificadas vítimas fatais do acidente de ontem na BR-230



Um acidente grave foi registrado no início da noite de ontem, na altura do km 318 da BR-230, próximo à cidade de São Mamede. Quatro amigos que viajavam de Campina Grande para participarem de uma festa na cidade de São Bentinho, localizada no Sertão do Estado, tiveram sua viagem interrompida, por volta das 16h40 de ontem, quando o veículo em que estavam, um Corsa GL, de cor vermelha, placas MNW-4860/PB, perdeu o controle, capotou e caiu dentro de um açude no KM 318, da BR-230, distante 5 km da cidade de São Mamede, também no Sertão paraibano.

No acidente morreram afogados dois passageiros que estavam no banco traseiro do veículo e ficaram presos nas ferragens, causando dificuldades ao Corpo de Bombeiros para serem resgatados. Um deles é Eduardo Nunes da Silva, de 25 anos. Já o outro foi reconhecido pelo apelido de “Turiatã” e teria 23 anos, mas até o fechamento desta edição não tido o verdadeiro nome divulgado.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que acompanhou a ocorrência, as vítimas residiriam em Campina Grande. Já os outros dois passageiros envolvidos no acidente que sobreviveram são  o motorista do veículo, Marcelo Costa Santos, 23 anos, residente na Rua Goiás, bairro da Liberdade, em Campina Grande, e  João Maria de Sousa, 19 anos, morador da Rua João Maria de Souza Ribeiro, no mesmo bairro. Segundo informações repassadas a nossa redação pela Polícia Rodoviária Federal, o motorista afirmou que realizou uma ultrapassagem, no entanto, quando tentou retornar a sua mão, perdeu o controle do veículo que caiu no açude.

 

De acordo com a PRF, o motorista foi encaminhado para um teste de bafômetro, mas não foi encontrado álcool no seu sangue. Ele será atuado pela Polícia Civil e deve responder a crime por homicídio culposo, sem intenção de matar, devido à existência de vítimas fatais no acidente. Os corpos das vítimas foram encaminhados para a Unidade de Medicina Legal da  cidade de Patos, Sertão do Estado, e devem ser enterrados hoje, na cidade de Campina Grande.

 

O repórter Fábio Diniz, da rádio 102 FM de Patos, ouviu o policial rodoviário Predebom, que dá mais detalhes do acidente.