Homossexual é agredido a pauladas no Sertão



Deu entrada por volta das duas da tarde de ontem (14h00m), domingo, dia 18 de janeiro, no Hospital Regional de Sousa, vítima de uma paulada na cabeça, o homossexual João Pereira de Oliveira, 45 anos, vulgo Cris, residente no Bairro da Estação.

 

Segundo a polícia, após uma discussão no Bar Nova Geração no Conjunto Frei Damião com outro homossexual por nome “Dô” morador da Rua José Inácio, no conjunto Frei Damião, em Sousa, os dois travaram uma forte discussão.

 

A polícia informou que os dois estavam bebendo, quando por motivos banais, o homossexual “Dô”, de posse de um pedaço de pau, conseguiu aplicar uma “cacetada” na cabeça de Cris, depois fugiu do local.

 

O Serviço do SAMU acionado, esteve no Bar Nova Geração, realizando o socorro da vítima, onde conduziu o mesmo para o Hospital Regional de Sousa. Cris se encontra na UTI e seu estado de saúde é complicado.

 

Todas as Guarnições da Polícia Militar, foram acionadas, e realizam diligências pelas Ruas da Cidade de Sousa com o objetivo de localizar e prender o homossexual conhecido por “Dô”, mas até o presente, não obtiveram êxito.

 

Folha do Sertão