Homem tenta subornar PM em Teixeira e acaba preso



O estelionatário Ronaldo Dias da Silva, vulgo Alemão, natural de Campina Grande, com 57 anos, foi preso por policiais pertencentes ao destacamento de Teixeira acusado da prática do crime naquela cidade.

O primeiro contato da polícia com o criminoso aconteceu depois das atitudes suspeitas que ele apresentou dentro da agência do Banco do Brasil, que, desconfiados funcionários do Banco acionaram imediatamente a polícia. Porém o homem só foi localizado no bar Pedro do Tendó na saída da cidade para Patos.

A situação do acusado piorou ainda mais ao tentar subornar os policiais com a quantia de R$ 1.000,00 (mil reais) oferecida pela sua liberdade. Ao ser entregue o dinheiro, a guarnição, Ronaldo recebeu voz de prisão.

No período da noite, a pedido do seu advogado, foi solicitada a condução do detento até a delegacia de polícia para que ele mantivesse contato com sua esposa, porém numa "quentinha" que teria sido supostamente entregue pelo bacharel ao preso, foi encontrado escondido o celular (com chip) que ele acabara de utilizar, bem como uma quantia em dinheiro estipulada em R$ 1.850,00 (hum mil e oitocentos e cinquenta reais).

No relatório elaborado pela PM todo procedimento foi relatado sobre o caso e entregue as autoridades judiciárias para tomada das medias cabíveis ao caso. O homem permanece preso na cidade de Teixeira.

 

Fonte Portalpatos