Herói de título do Sport em 98, ex-atacante morre vítima da Covid-19 aos 44 anos

Foto: Reprodução/TV Globo



Covid-19 fez mais uma vítima no universo do futebol. O ex-atacante Irani, de 44 anos, faleceu por complicações da doença, nesta quinta-feira (31), em Recife (PE). O ex-jogador estava internado no Hospital Getúlio Vargas, mas não resistiu.

Irani foi um atacante revelado pelo Leão da Ilha no final dos anos 90. Teve passagens por Guarani e Internacional, mas voltou a Recife para marcar duas vezes em uma das finais mais marcantes para equipe nordestina.

Contra o Porto, em 1998, na decisão do Campeonato Pernambucano daquele ano, ele foi o herói em partida que registrou o maior público da história da Ilha do Retiro: 56 mil pagantes.

Fazendo dupla com Leonardo, ídolo histórico do Sport, ele foi campeão também do Nordeste e novamente do Pernambucano. Ao todo, ele marcou 17 gols pelo rubro-negro.

Nas redes sociais, o Sport manifestou luto pela morte do atacante.


Diário do Nordeste