Gerais

Governo Federal não repassa medicamentos para pacientes transplantados e afeta usuários também em Patos e região

Após matéria em que pacientes transplantados denunciam falta de remédios fundamentais na 6ª Gerência Regional de Saúde, em Patos, a Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba se posicionou sobre o caso na manhã desta sexta-feira, dia 27.

De acordo com denúncias, o desabastecimento nos estoques da 6ª Gerência Regional de Saúde está ocorrendo há vários dias e não se tem uma resposta clara de quando haverá normalização. Os pacientes que dependem da medicação estão acusando o órgão do Governo do Estado da Paraíba de ignorar o dano causado aos pacientes e de não providenciar a reposição das medicações fundamentais para a saúde dos usuários.

A assessoria de comunicação da Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba confirmou que os medicamentos em falta são fornecidos pelo Governo Federal e que ainda não se tem nenhuma resposta de quando haverá reabastecimento.

A falta da medicação para os pacientes transplantados pode causar rejeição dos órgãos recebidos, doenças oportunistas diante da fragilidade de saúde e outros problemas. O senhor Júnior Amorim, paciente transplantado, está aflito, pois a medicação micofenolato de mofetila é uma das que está em falta. Ele relatou que outros transplantados estão sofrendo pela ausência de medicamentos.

Em reportagem exibida pelo Bom dia Brasil, da Rede Globo de Televisão, foi destacado o problema que acontece em todo o Brasil.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close