Governo do Estado convoca 650 suplentes aprovados no concurso para a Polícia Militar do Rio Grande d



O Governo do Estado vai convocar 650 suplentes do concurso de 2005 para a Polícia Militar do Rio Grande do Norte. A lista dos novos convocados será publicada na edição desta terça-feira (24) do Diário Oficial do Estado. Os convocados já terão que se apresentar já a partri desta terça-feira no Quartel da PM (vizinho ao Clube América), na rua Rodrigues Alves, no bairro de Tirol. O curso de formação terá início em fevereiro. A convocação atende à Lei Complementar nº 250, de junho de 2003, que estabelece um efetivo de 10.003 policiais para o Rio Grande do Norte.

O anúncio foi feito pelo vice-governador Iberê Ferreira de Souza em coletiva à imprensa na manhã desta segunda-feira na Governadoria. A governadora Wilma de Faria não participou da coletiva porque está em casa, sob cuidados médicos em decorrência de uma virose. "A governadora me autorizou a fazer esse anúncio tendo em vista que esses novos policiais serão integrados aos quadros da PM em junho do próximo ano, quando eu já estarei no comando do Governo do Estado", explicou Iberê.

Dos 650 convocados, entretanto, serão selecionados 542 suplentes. "Com estes 542 chegaremos aos 10.003 policiais que a Lei Complementar estabelece", afirmou o vice-governador. Ele esclareceu, no entanto, que o número de 650 é o previsto no edital do concurso, caso ocorram desistências de candidatos.

O prazo final de prorrogação do concurso encerra nesta terça-feira. A convocação, segundo Iberê, não fere a Lei de Responsabilidade Fiscal porque Segurança Pública está fora do limite prudencial imposto pela Lei. O novo contingente atuará no policiamento ostensivo em todo o Estado. Dos novos convocados, 390 irão para os destacamentos da PM nas regiões de Natal e Grande Natal, 139 para a região do Alto Oeste, 80 para a região Seridó e 41 para a região Agreste.

Reforço – Na última sexta-feira (20), a segurança pública do Rio Grande do Norte recebeu mais 743 soldados que já estão atuando no policiamento ostensivo. Com o novo efetivo, o Estado potiguar passa a ter um dos maiores efetivos policiais do Nordeste. Os 743 novos policiais foram distribuídos em batalhões de Natal (217 soldados), Mossoró (210), Assú (107), Caicó (72), Pau dos Ferros (50) e Nova Cruz (33)

fonte: http://www.rn.gov.br/contentproducao/aplicacao/govrn/imprensa/enviados/noticia_detalhe.asp?nCodigoNoticia=16862

Notícia enviada por: soares ( [email protected] )