Governo discute medidas que serão tomadas para frear o avanço da Covid-19 na Paraíba



O Governo do Estado discute hoje medidas que serão tomadas para frear o avanço da Covid-19 na Paraíba. Dentre as ações, está a possibilidade de antecipar feriados.

“Essa é uma das alternativas, que está na mesa. Estamos discutindo para que a gente possa num determinado momento ter uma restrição maior na mobilidade. Os feriados ajudam nisso, para que a gente possa por uma semana pelo menos ter uma restrição maior para que na outra possa retomar as atividades”, disse o governador João Azevêdo em entrevista à CBN, lembrando que caso seja essa a definição, as fiscalizações serão reforçadas para evitar aglomerações.

Caso a medida seja definida, o governo enviará um projeto para Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) autorizando a antecipação dos feriados.

Azevêdo revelou que a crise do oxigênio atinge a Paraíba, que chegou a receber abastecimento através de um caminhão oriundo do estado do Rio de Janeiro. Ele ressaltou, no entanto, que há uma certa tranquilidade no abastecimento, mas se houver um aumento repentino da demanda haverá problemas, por isso a necessidade de adotar medidas antecipadamente.

O governador acrescentou que atualmente a determinação é racionar o uso do oxigênio. ” O momento é muito sério. Há uma crise de abastecimento de oxigênio no país inteiro. Ontem em reunião com o Ministério Público e Secretaria de Saúde foi apresentado tudo isso”, disse.

MaisPB