• Dra Milena
Esportes

Gerson Gusmão admite que sistema defensivo do Botafogo-PB está abaixo do desejado nos últimos jogos

ÓTICAS GUIMARÃES

Antes de virar a chave para o confronto de amanhã (23) pela Série C do Campeonato Brasileiro contra o Confiança, o técnico Gerson Gusmão falou sobre a dolorosa derrota por 3 a 1 do Botafogo-PB para o Nacional de Patos, no sertão, no jogo de ida das semifinais do Paraibano.

Se apegando na partida de volta, que será no estádio Almeidão, o comandante botafoguense afirmou que sua equipe segue com totais condições de reverter o placar para chegar à decisão do estadual, mas prefere manter o foco do momento no duelo contra os sergipanos.

– Temos a segunda parte desse jogo, dentro do nosso estádio, para virar esse placar. Nós sabemos as condições e a nossa equipe vai buscar essa classificação. Vamos agora mudar o nosso planejamento para esse jogo, a gente sabe que tem um jogo antes, mas já temos que pensar no jogo de terça e buscar colocar o que temos de melhor em termos de atletas para que a gente possa buscar um resultado diferente do que aconteceu ontem, buscar a nossa vaga na final que é o nosso objetivo. Temos condições e o torcedor pode ter consciência que a gente vai buscar essa vaga na final, mesmo com todas as dificuldades que teremos a partir do resultado – disse.

Além do revés, tem incomodado Gerson Gusmão a quantidade de gols que o Belo tem tomado. Nos últimos três jogos, contra São José-RS, Botafogo-SP e o Canário do Sertão, sua defesa foi vazada seis vezes. Uma das justificativas encontradas pelo treinador é o desgaste do time nas últimas semanas, mas ele sabe que precisa encontrar uma solução para ajustar o setor.

– Uma equipe que toma seis gols em três jogos, não pode estar com o sistema defensivo ajustado. Temos que melhorar isso, nosso índice está bem abaixo disso e a gente vem trabalhando. A sequência de jogos têm sido pesada, alguns jogadores estão sentido muito, outros atletas que estão chegando, a gente não consegue trabalhar a parte de entrosamento dentro do treinamento – explicou.

Neste sábado (23), com ingressos a partir de R$ 5, o time da estrela vermelha tenta se recuperar na Série C, onde vem de derrota em Ribeirão Preto para o xará de São Paulo. A expectativa fica pelos retornos do goleiro Luís Carlos e do lateral-esquerdo Bruno Ré, que não atuaram no meio de semana por estarem lesionados.


Equipe @Vozdatorcida


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo