Locais

Germana Wanderley, esposa do deputado Dr. Érico Djan, publica carta desistindo de assumir a Funes

Germana disse também que não chegou a conversar com o diretor da Funes Adolpho Crispim, nem com qualquer outra pessoa do governo

ÓTICAS GUIMARÃES

Em uma carta postada nas redes sociais, a advogada Germana Wanderley, esposa do deputado estadual Dr. Érico Djan, comunicou a sua desistência no sentido de assumir a Fundação Ernani Sátiro-FUNES.

Em sua carta, Germana colocou na noite desta terça-feira (29), que não se sentiria a vontade em ter o seu nome na folha de pagamento e não poder prestar o seu serviço à instituição de maneira adequada.

Germana disse também que não chegou a conversar com o diretor da Funes Adolpho Crispim, nem com qualquer outra pessoa do governo. Confira

Boa noite.

Agradeço imensamente a receptividade de todos.

Foram todos solícitos demais comigo, ocorre que hoje estou em um processo de trabalho incompatível com a atividade que exerceria na FUNES.

Trabalho com gestão de pessoas, venho investindo muito em curso, estudo e aprendizado. E cada dia mais encantada com esse universo, inclusive dentro de unidades públicas.

Não me sentiria à vontade de ter meu nome na folha de pagamento e não comparecer a fundação, estar por estar .

Vi que vocês realmente se doam a fundação com muito zelo.

Não comuniquei a Adolpho em particular e não conversei com qualquer pessoa do governo.

Decidi registrar o meu agradecimento e não permanência no cargo por aqui, já que foram todos tão transparentes comigo.

Estou a disposição onde quer que eu esteja.

Gratidão a todos!

Por Genival Junior – Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo