Gerais

Gerente do INSS em Patos explica como funciona a aposentadoria por idade, juntamente com a contribuição mínima. Ouça

ÓTICAS GUIMARÃES

Na sexta-feira, dia 4 de novembro, o gerente da agência do INSS da cidade de Patos, Alberto Simplício, concedeu entrevista ao programa Espinharas Notícias, e na oportunidade esclareceu vários pontos referentes às aposentadorias, benefícios, pensões, dentre outros temas.

Um detalhe que chamou a atenção foi no tocante às pessoas que completam 15 anos de contribuição no INSS, antes mesmo de completarem os 62 anos, ou vice-versa.

Neste caso, o gerente regional Alberto Simplício disse que mesmo completando os 15 anos, é necessário que a pessoa aguarde até completar os 62 anos.

“Porque os quinze anos é a carência mínima para se aposentar por idade. Por exemplo, se ela tivesse sessenta e dois anos, e não tivesse os quinze anos, ela não conseguiria se aposentar”, detalhou.

Alberto contou que é preciso existir uma espécie de “combo”, ou seja, a pessoa precisa ter o mínimo de 15 anos de contribuição, mas também os 62 anos de idade.

Quanto ao termo “aposentadoria por idade”, ele revelou que na realidade a pessoa não pode se aposentar apenas porque chegou na idade, mas tem que possuir os 15 anos de contribuição, que é justamente o tempo carência mínima.

Mais detalhes você escuta no áudio que segue abaixo.

Alberto Simplício – Áudio: Rádio Espinharas FM

Matéria por Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo