• Dra Milena
Locais

Gerente de Saúde da 6ª Região explica quais são os sintomas e qual procedimento o paciente deve fazer caso surja suspeita da varíola dos macacos. Veja reportagem

Liliane Senna, Gerente de Saúde da 6ª Região, explica quais são os sintomas, o que o paciente deve fazer e como se prevenir da varíola dos macacos.

ÓTICAS GUIMARÃES

A varíola dos macacos é uma doença nova e que tem se espalhado pelo mundo, inclusive sendo confirmada no Brasil no dia 09 de julho, na cidade de São Paulo.

Buscando mais informações sobre a doença, o repórter Pabhlo Rhuan conversou na manhã desta quarta-feira, dia 17 de agosto, com Liliane Senna, Gerente de Saúde da 6ª Região, que explicou quais são os sintomas, o que o paciente deve fazer e como se prevenir da varíola dos macacos.

De acordo com Liliane, em Patos, teria surgido um caso, porém, ao ser investigado foi verificado que se tratava de catapora, que segundo ela, se assemelha bastante aos sintomas da varíola dos macacos.

Sintomas

  • Os sintomas são: febre alta, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, calafrios e exaustão, inchaço dos gânglios no pescoço, axila e virilha, além de erupções na pele.

Liliane ainda destacou que caso surja alguma suspeita da doença, o paciente deve procurar uma unidade de saúde e imediatamente se isolar, para ser confirmado se realmente se trata da varíola dos macacos.

Como se proteger

  • Os cuidados com a doença são: evitar contato com pessoas positivas ou com suspeita, higienizar sempre as mãos,  não compartilhar objetos de uso pessoal como talheres, copos, pratos, toalhas ou roupa de cama. 

Ainda segundo Liliane, é preciso se cuidar e se prevenir, tendo em vista não haver medicamentos para a doença.

Veja reportagem completa:

Por Pabhlo Rhuan – Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo