Felipe pega quatro jogos de gancho e desfalca Belo na Série C



Na tarde desta quinta-feira (17), em julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o goleiro Felipe foi pauta da sessão ainda devido a expulsão diante do Bahia, na eliminação do Belo em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Nordeste.

O arqueiro havia recebido dois jogos de suspensão anteriormente, mas ficou de fora apenas contra o Santa Cruz. Depois de ter conseguido um efeito suspensivo, o camisa 1 voltou à equipe no empate por 1 a 1 com o Jacuipense-BA, pela quarta rodada.

Agora, com o julgamento do pleno, a decisão foi desfavorável pelo placar de 4 a 1 ao jogador do Belo, que pegou a pena mínima, equivalente a quatro jogos de suspensão devido as reclamações dirigidas ao árbitro pernambucano Gilberto Rodrigues de Castro Júnior. Na ocasião, o Belo foi prejudicado ao ter um gol mal anulado marcado por Kelvin e depois sofreu um gol em impedimento anotado pelo atacante Fernandão, do Bahia.

Como já ficou de fora do duelo com o tricolor pernambucano, Felipe deve ser substituído por Samuel Pires na meta botafoguense já na próxima rodada, contra o Remo, fora de casa, e também diante do Paysandu, em João Pessoa, e no Clássico Tradição, na nona rodada, quando vai enfrentar o Treze, no Amigão.

Uma das principais peças e um dos líderes do elenco, recentemente Felipe recusou proposta do CSA-AL para disputar a Série B e resolveu ficar no Botafogo-PB. Aos 36 anos, o goleiro participou de 16 jogos no ano, sofrendo 17 gols.


Equipe @Vozdatorcida