Famílias se decepcionam com “Kit Merenda” entregue pela Prefeitura Municipal de Patos



A Prefeitura Municipal de Patos, através da Secretaria de Educação do Município, começou a fazer a entrega nesta terça-feira, dia 06, do kit da merenda escolar para famílias que têm estudantes matriculados na rede municipal, mas que estão sem aulas diante da pandemia do novo coronavírus, COVID 19.

A ação está respaldada na Lei nº 11.947/2009, de 7 de abril de 2020, após modificação feita em 2.020 para adequar a entrega dentro do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). A expectativa das famílias era de que fosse fornecida uma cesta básica, porém, houve frustração e reclamação ao se deparar com o kit muito abaixo do esperado.

Kit merenda do Estado

A senhora Maria da Conceição Araújo Costa, que tem dois filhos matriculados no Instituto Educacional Dr. Dionísio da Costa, conhecido popularmente por Escola da Maçonaria, localizada no Jardim Europa, disse que recebeu 2 flocos de milho, 1 pacote de bolacha, 1 pacote pequeno de leite em pó, 15 ovos e 1 pacote de macarrão. Maria da Conceição recebeu dois kites.

A dona de casa relatou que esperava que o kit fosse semelhante ao do Governo do Estado da Paraíba que contém 12 itens, sendo: 2 quilos de arroz; 1 quilo de feijão; 1 quilo de açúcar; 1 pacote de macarrão de 500 gramas; 1 quilo de farinha de mandioca; 1 lata de óleo de 900 ml; 2 pacotes de leite em pó de 200 gramas; 2 pacotes de fubá de 500 gramas; 1 pacote de biscoito cream cracker; 1 pacote de café de 250 gramas; 1 lata de sardinha de 125 gramas e 1 quilo de sal.

No vizinho Município de São Mamede, região metropolitana de Patos, o kit merenda escolar também teve bem mais ingredientes que os ofertados em Patos. As fotos em redes sociais estão causando discussão e dividindo opiniões.

A reportagem fez contato com a professora Adriana Carneiro, que é secretária de Educação do Município de Patos. Adriana relatou que não é feita distribuição de cesta básica, mas sim o valor do lanche recebido por aluno e multiplicado pelos 20 dias de aulas mês. O kit que será melhorado é o do aluno de creche que tem um valor maior que os demais estudantes das escolas do ensino fundamental.


Jozivan Antero – Patosonline.com