Ex-servidora denuncia cadastro irregular de imóveis com mais de 3 mil pessoas na Prefeitura de Patos. Ouça;



O jornalista Adilton Dias, colaborador do Patosonline.com, conversou nesta terça-feira, 04, com Albeni Araújo, que é irmã do vereador Toinho Nascimento e ex-funcionária da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Habitação, na gestão do prefeito interino Sales Junior, que denunciou o cadastro irregular de imóveis na Prefeitura de Patos até o mês de novembro.

Segundo Albeni, o cadastro contendo mais de 3 mil pessoas realizado pela Prefeitura de Patos foi feito de forma irregular, uma vez que fazia parte de um sistema particular e era desvinculado do cadastro oficial da Companhia Estadual de Habitação Popular-CEHAP.

Albeni também afirmou que diversas pessoas cadastradas pelo município costumavam reclamar dos critérios de escolha de alguns beneficiários dos programas habitacionais realizados no município. Ela conta que levou o problema ao conhecimento das pessoas responsáveis pelo sistema. Ouça as palavras da ex-servidora Albeni Araújo;

Albeni Araújo, ex-servidora da Sec. de Desenvolvimento Econômico e Habitação da Prefeitura de Patos

Patosonline.com




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.