Ex-servidora da Prefeitura de Patos reclama que está sendo prejudicada com o não recebimento do auxílio emergencial



Uma ex-servidora contratada da Prefeitura de Patos através do Processo Seletivo Simplificado dos anos de 2017 e 2018, entrou em contato com o Patosonline.com para reclamar que não está recebendo o auxílio emergencial do Governo Federal por conta de um erro da administração junto a Ralação Anual de Informações Sociais-RAIS.

A ex-servidora que não quis se identificar informou que já procurou a Prefeitura de Patos para que seja feita a retificação das informações, uma vez que deixou de prestar serviço ao município em novembro de 2018, mas até agora não conseguiu receber o benefício.

Ela também informou que é beneficiária do programa Bolsa Família, onde recebe a quantia de R$ 148,00 reais mensais e está sem trabalhar desde o dia 21 de março por conta da pandemia provocada pelo covid-19.

Segundo ela, o problema tem ocorrido também com outros ex-servidores que prestaram serviço através do Processo Seletivo.

O espaço do Patosonline.com está aberto aos esclarecimentos necessários

Patosonline.com