Estado apura irregularidades em convênios firmados com três municípios paraibanos



Três convênios firmados entre o Fundo de Desenvolvimento do Estado (FDE) e as prefeituras de Campina Grande, São José da Lagoa Tapada e Santa Inês, entre os anos de 2008 e 2010, tiveram irregularidades detectadas e estão sob investigação, conforme portarias publicadas no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (20). 

As portarias instituem comissões, formadas por servidores da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), para tomadas de contas especiais que irão apurar as irregularidades. 

Os textos não especificam quais irregularidades foram registradas nos convênios de São José da Lagoa Tapada e Campina Grande, mas dizem que no caso de Santa Inês não houve prestação de contas do convênio, que teve como objeto a construção do Centro Administrativo do município.

Clickpb