• Dra Milena
Locais

Estação Ferroviária de Patos, um patrimônio histórico, porém abandonado. VEJA VÍDEO

Inaugurada em 19 de Abril de 1944, a Estação Ferroviária Patos parou a cidade naquele dia.

ÓTICAS GUIMARÃES

O trem já foi por anos um dos principais meios de transporte de cargas e passageiros do mundo, e Patos não ficou de fora. Inaugurada em 19 de Abril de 1944, a Estação Ferroviária Patos parou a cidade naquele dia. Segundo relatos, o comércio fechou mais cedo para que as pessoas pudessem ir para casa se aprontarem e acompanhar a inauguração.

A estação integrava o ramal de Campina Grande, que inicialmente partia desde Itabaiana até a cidade de Campina Grande e depois de concluída a ligação entre Sousa-Pombal, Pombal-Patos e Patos-Campina, ligou-se com o Ceará.

O objetivo principal era escoar os produtos como algodão, sal, para capitais como Recife e Fortaleza, e por anos foi um grande marco na economia local.

No ano de 2005 a estação infelizmente foi fechada e desde então não se vê mais trens circulando pela cidade e região de Patos.

Há mais de 17 anos o prédio que foi tombado pelo IPHAN, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, encontra-se abandonado, pichado e com suas estruturas danificadas. Patoenses têm cobrado da gestão municipal que seja realizado uma reforma, porém não é tão simples assim.

Na manhã desta quinta-feira, dia 04 de agosto, Pabhlo Rhuan, reporter do Patosonline.com conversou com o secretário de Esporte e Turismo de Patos, José Francisco de Sousa (Zeca), ele informou que mesmo o prédio tendo sido tombado pelo IPHAN, o mesmo não pertence ao município, mas sim, a União, sendo assim, não há como fazer qualquer reforma ou alteração.

Ainda segundo Zeca, já foram feitos vários pedidos para que o local seja passado para o município e que, assim que for repassado, poderá ser utilizado como um museu, algo que carece na cidade.

Veja a reportagem completa:

Por Pabhlo Rhuan – Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo