Policial

Está no presídio acusado de assaltar casa lotérica em São Mamede; segundo acusado continua foragido

Já se encontra no presídio regional de Patos, Genilson Francisco da Silva, 21 anos de idade, acusado de assaltar uma casa lotérica da cidade de São Mamede, na semana passada e ter trocado tiros com dois Policiais Rodoviários Federais.

As primeiras informações apontam que Genilson, natural da cidade de Princesa Isabel, em companhia de um comparsa identificado pela alcunha “Boião”, assaltaram uma casa lotérica na cidade e na hora da fuga “deram de frente” com uma viatura da PRF.

Os policiais Carlos Tenório e Lupércio da PRF realizavam diligências pela estrada de Quixaba, visto que já se encontravam com as informações sobre o assalto no exato momento da fuga dos elementos. Eles deram ordem de parada e os dois suspeitos saíram em alta velocidade numa moto.

Na perseguição “Boião” sacou a arma e atirou contra os dois policiais que revidaram. Ninguém saiu ferido. A viatura conseguiu alcançar a moto Honda Fã da dupla e bater na sua traseira. Na queda, Genilson não conseguiu fugir e se entregou enquanto que “boião” conseguiu entrar no matagal e fugir, inclusive levando a arma utilizada no crime. Até o momento ele não foi preso.

Depois de indiciado na delegacia de Patos, Genilson foi encaminhado ao presídio regional onde aguardará uma decisão da Justiça.

PortalPatos

 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close