Entidades e movimentos sociais prestam solidariedade a jornalista e às pessoas agredidas na cidade de Patos



Partidos e movimentos que compõem o campo popular e democrático dirigem-se à sociedade patoense a fim de expressar total repúdio aos ataques promovidos contra o jornalista e companheiro Jozivan Antero (e que têm se estendido a outros companheiros), por parte de um grupo de pessoas intolerantes e que vêm demonstrando ser incapazes de conviver em ambiente democrático.

O referido grupo já é bem conhecido e compõe a “extrema direita” da política patoense. As agressões por parte do referido grupo são uma constante e não é algo inédito. Pelo contrário, os xingamentos e ameaças a quem pensa diferente acontecem há alguns anos na cidade de Patos, mas têm se agravado desde a eleição do presidente Jair Bolsonaro, com quem o grupo tem grande afinidade.

Não é demais lembrar que a liberdade de expressão e de pensamento é garantia constitucional, construída com com muito sacrifício e engajamento da sociedade brasileira.

Portanto, não vamos permitir a instalação do gabinete do ódio e da violência em Patos. Estaremos prontos para acionar as devidas instituições contra agressores, bem como faremos o debate necessário com a sociedade patoense para denunciar tais práticas, que põem em xeque a democracia e o estado de direito.

Em defesa da Democracia!

Solidariedade a Jozivan e família, e a todos que foram ou vierem a ser atacados!

Viva a liberdade de expressão!

Patos/PB, 04 de maio de 2020

CTB- Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil/PB.

UMAC- União das Associações Comunitárias Rurais e Urbanas de Patos

UAC- União das Associações Comunitárias de Patos e Região

SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região

SINDLIMP/PB – Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Limpeza Urbana do Estado da Paraíba  

FETRAM- Federação dos Trabalhadores Públicos Municipais da Paraíba

UBM- União Brasileira de Mulheres

Movimento de Mulheres Olga Benário

PT / PSOL / UP / PSB



ASCOM