Em reunião Eduardo Campos pede a Cássio que mantenha aliança com Ricardo. Senador disse que vai levar o pedido para reunião de segunda



Durante reunião ontem em Recife, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, presidente nacional do PSB, tentou persuadir o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) a manter a aliança com o governador Ricardo Coutinho. O encontro, em que se discutiu as eleições de outubro na Paraíba, foi acompanhado pelo senador Aécio Neves, presidente nacional do PSDB e pré-candidato a presidente da República.

Apesar do apelo veemente para não disputar o governo, Cássio disse que vai ouvir a posição do PSDB durante reunião da Executiva Estadual marcada para a próxima segunda-feira.

“Recebi um apelo veemente do governador Eduardo Campos para que possamos tentar manter a aliança. Existem duas teses na Paraíba, de candidatura própria e manutenção da aliança.

Pelo respeito que tenho ao governador Eduardo, vamos analisar esse apelo que ele fez”, frisou Cássio em entrevista à imprensa de Pernambuco, logo após sair do encontro.

Já o presidente estadual do PSDB, deputado federal Ruy Carneiro, disse que Eduardo Campos está no seu papel de lutar pela manutenção da aliança na Paraíba. “Vejo isso como um fato normal”. Ele confirmou a reunião da Executiva Estadual do PSDB. O encontro será a partir das 9h, na sede do partido em João Pessoa e terá a presença dos senadores Cássio Cunha Lima e Cícero Lucena, além dos demais membros da comissão executiva. Após a reunião, as lideranças tucanas concederão entrevista coletiva à imprensa.

Antes de se reunir com Eduardo Campos, o senador Cássio Cunha Lima disse considerar natural que seu partido lance candidatura ao governo do Estado, o que no seu entender não seria um rompimento com os socialistas. “Eu não falo em rompimento porque quando você tem uma aliança feita entre partidos que são aliados, mesmo que momentaneamente, você vai fazer aquilo que é natural em qualquer processo político que é se colocar na disputa. Portanto, o que o PSDB fará dentro da sua autonomia partidária, da independência que nós temos como legenda é discutir qual o melhor caminho a ser seguido nas eleições”.

Pela manhã, durante solenidade no Palácio da Redenção, o governador Ricardo Coutinho foi interpelado pela imprensa sobre a continuidade da aliança com o PSDB e os espaços do partido na chapa majoritária. Disse o governador: “Eu não falo sobre conjecturas. Não vou estar falando em abstração, quero saber do concreto, quero saber quem vai comigo e quem quer fazer com que a Paraíba continue caminhando pra frente”.

Lenilson Guedes – Jornal da Paraíba 
Foto – Agências de Notícia