Em Patos: Pescador diz que agiu em legítima defesa para praticar 2 mortes



O pescador, Benedito Adriano dos Santos, 40 anos, acusado de assassinar o sanfoneiro, Geraldo Meira e sobrinho dele, José Carlos, disse a reportagem da Rádio Espinharas na manhã de hoje, que praticou os homicídios em legítima defesa.

 

Ele contou que foi agredido inicialmente pelo José Carlos e só revidou ao ataque.

 

Escute agora a entrevista com Adriano Pescador, produzida pelo repórter Higo de Figueirêdo