Em Patos, obras de ampliação da UPA garantem mais 20 leitos tipo UTI, melhoria do laboratório e área de depósito



A Prefeitura Municipal de Patos, por meio de recursos extras do Fundo Municipal de Saúde enviados diante da pandemia do novo coronavírus, COVID – 19, deu início às obras de ampliação e melhorias de espaços na Unidade de Pronto Atendimento Dr. Otávio Pires (UPA).

De acordo com informações do prefeito interino de Patos, Dr. Ivanes Lacerda, às obras irão custar R$ 160 Mil Reais e a empresa responsável foi contratada através de dispensa de licitação, atendendo a lei que garante tomada de preço com menor custo entre as consultadas para tal demanda.

A obra será incorporada de forma permanente na UPA. Quando concluída, o órgão contará com 20 leitos do tipo Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo 14 em um espaço e 6 em outro para melhorar as instalações. Macas, respiradores, equipamentos médico-hospitalares, montagem de sistema de fornecimento de oxigênio estão no projeto.

Além dos leitos, a UPA estará recebendo ampliação do laboratório e contará com depósito para melhorar a acomodação de material usado diretamente no dia-a-dia do órgão de saúde que vem tendo crescimento do atendimento. Atualmente, a UPA dispõe apenas de 12 leitos, porém, ao fim das obras, terão 32 a disposição dos cidadãos que necessitem de internamento temporário.

Ivanes Lacerda relatou que a Prefeitura Municipal de Patos poderia ter optado para fazer um hospital de campanha, porém, seria desmontado com o fim da pandemia. O prefeito interino decidiu por fazer uma obra de permanência para melhorar a UPA.


Jozivan Antero – Patosonline.com




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.