Em Patos, Maria da Carroça e a filha voltam ao Presídio Feminino após descumprimento de regras do regime semiaberto



A carroceira Maria de Fátima Gomes dos Santos, conhecida como “Maria da Carroça”, de 49 anos, voltou a carceragem do Presídio Feminino na cidade de Patos. Maria estava cumprindo pena no regime semiaberto e nesta quarta-feira, dia 20, foi reconduzida para o regime fechado.

Juntamente com Maria da Carroça também voltou ao presidio a filha dela. Mãe e filha teriam, de acordo com informações, descumprido regras do regime semiaberto e o poder judiciário, após comunicação das autoridades de segurança, determinou o recolhimento de ambas ao presídio Feminino de Patos.

Maria e sua filha teriam saído dos limites de abrangência da tornozeleira eletrônica e também falharam no recolhimento noturno ao presídio. A reincidência de descumprimento de tais medidas, acabaram prejudicando a liberdade parcial.

Maria da Carroça é bastante conhecida na cidade de Patos. Ela se notabilizou pela força ao realizar trabalhos braçais sempre acompanhado por seu animal de tração na carroça. Maria reside no Bairro Dona Milindra com sua família. O retorno ao presídio de mãe e filha causou lamentações na comunidade.

As informações são de que outros apenados que estavam no regime semiaberto também foram reconduzidos ao Presídio feminino e ao Presídio Procurador Romero Nóbrega pelos mesmos motivos.


Jozivan Antero – Patosonline.com

error0
Tweet 20
fb-share-icon20
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com