Em Patos, linha de nylon usada para soltar pipa fere pescoço de trabalhador



O senhor Francisco Pereira da Silva, 55 anos, residente no Bairro das Placas, ficou ferido no pescoço na tarde da última quinta-feira, dia 16, por volta das 17h30, quando trafegava com sua moto na estrada que dá acesso ao Aeroporto Brigadeiro Firmino Ayres, próximo da Alça Sudeste, em Patos.

Francisco Pereira relatou que estava saindo do trabalho que realiza no galpão da Associação dos Catadores de Material Reciclado. Ele comentou que estava com velocidade reduzida em sua moto quando sentiu a linha de nylon atingir seu pescoço.

O trabalhador teve um grande susto e mostrou o ferimento feito pela linha de nylon da pipa que estava sendo solta através de brincadeira praticada por adolescentes nas imediações. Francisco Pereira perdeu o controle da moto, porém, conseguiu se equilibrar sem cair. A vítima disse que, por sorte, a linha não estava preparada com o chamado cerol.

Bastante assustado, o trabalhador foi para casa e falou para sua esposa o que havia ocorrido. A senhora Nilma disse que o fato deveria ser informado para todos, pois algumas pessoas já ficaram feridas gravemente por fatos semelhantes.

Na tarde deste sábado, dia 18, a senhora Laurita Nobre, que reside na Comunidade Dom Bosco, Bairro Belo Horizonte, em Patos, flagrou crianças preparando linhas de nylon utilizando cerol para solta pipa. Linhas de nylon com cerol já é considerado crime em alguns estados e municípios, pois causa graves acidentes quanto atinge motociclistas, ciclistas e até pedestres em movimento.


Jozivan Antero – Patosonline.com





Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.