Esportes

Em jogo de duas expulsões, Ceará vence Bahia e sai na frente na final da Copa do Nordeste

O Ceará conquistou uma grande vantagem na final da Copa do Nordeste neste sábado. Jogando fora de casa, no Estádio de Pituaçu, a equipe derrotou o Bahia por 1 a 0 no jogo de ida da final e, agora, precisa apenas de um empate dentro de seus domínios para levantar a taça da competição.

Após um início de primeiro tempo truncado, o Bahia começou a se soltar e criou as primeiras oportunidades para sair na frente. Porém, o cenário favorável aos mandantes mudou logo aos 19 minutos. Luiz Otávio fez falta dura em Lima e acabou recebendo o cartão vermelho direto.

Com a vantagem numérica, o Ceará tomou o controle da posse de bola e tentou chegar ao gol adversário trocando passes. Só que os baianos se seguraram bem na defesa e o Vozão teve dificuldades para ameaçar o goleiro. O principal lance aconteceu apenas aos 40, em uma boa cobrança de falta de Vina ao lado da grande área tricolor, mas Matheus Teixeira se esticou e fez uma linda defesa.

Ainda na etapa inicial, aos 49, foi a vez dos visitantes ficarem com um jogador a menos. O volante Charles deu entrada brusca em Nino Paraíba e também foi expulso pelo árbitro, reestabelecendo a igualdade numérica para os 45 minutos finais.

As duas equipes voltaram para o segundo tempo tentando adotar uma postura mais ofensiva, mas a bola ficou muito presa no meio de campo e o jogo ficou travado novamente, com poucas chances claras de gol para os dois lados.

Nos instantes finais, o Bahia aumentou a pressão e mandou um bola na trave aos 45 com Nino Paraíba. No entanto, o Ceará respondeu e conseguiu chegar ao gol da vitória aos 47 minutos. Em cobrança de falta na entrada da área, Jael bateu forte, a bola desviou na barreira e foi para as redes, garantindo o triunfo do Vozão e a vantagem na decisão da Copa do Nordeste.


Gazeta Esportiva

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close