Politica

Dr. Ramonilson Alves afirma que 38 milhões estavam nas contas da prefeitura de Patos para construção do Aterro Sanitário. Veja o vídeo

Ainda segundo Dr. Ramonilson Alves, uma forma de amenizar a problemática na qualidade de saúde seria as UBS oferecerem um atendimento melhor à população

ÓTICAS GUIMARÃES

O juiz aposentado Dr. Ramonilson Alves esteve visitando o Lixão de Patos, nesta segunda-feira (27) para averiguar a situação do incêndio que mais uma vez atingiu o local. Na oportunidade, ele gravou um vídeo em que critica a permanência do lixão e a falta de gestão da saúde no município.

De acordo com o ex-juiz, o dinheiro para a construção do aterro sanitário de Patos estava nas contas da prefeitura, mas os valores não foram aproveitados para resolver a problemática do lixo em Patos, que vem causando danos à saúde do povo até os dias de hoje.

“Mais uma vez, chegado o mês de setembro, temperaturas elevadas, desde ontem e hoje, crianças e idosos, toda a população consumindo, respirando fumaça, fuligem, poluição, advindas de mais um incêndio no Lixão da cidade. Lembro que, desde 2012, estavam depositados nas contas do município 38 milhões de reais para a construção do aterro sanitário e resolver este problema dramático. Houve um problema com a licitação, uma empresa ganhou, a outra questionou, e qualquer prefeito em vez de olhar para a empresa, deveria dizer cancela a licitação, aproveita o dinheiro que estava na conta e resolve o problema. Não foi isso que ocorreu. Lembrando que naquela altura estava no poder o mesmo grupo que hoje administra a cidade de Patos. Resultado: há mais de uma década vivemos este problema, que já deveria ter sido resolvido”, declarou ele.

Ainda segundo Dr. Ramonilson Alves, uma forma de amenizar a problemática na qualidade de saúde seria as UBS oferecerem um atendimento melhor à população. Mas, segundo ele, este é outro problema dramático que existe em Patos.

“Um alívio seria o bom funcionamento das Unidades Básicas de Saúde, que, infelizmente, também não ocorre. Das mais de 40 que existem, menos de 20 têm médicos. Então, mais uma vez, a população padece, por falhas, defeitos e má gestão na administração pública de Patos. Isso é inaceitável. A população não pode aplaudir esse tipo de postura”,

finalizou.

Veja o vídeo:

Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios