• Dra Milena
Gerais

Dom Eraldo fala sobre peregrinação dos bispos do regional nordeste 2 a Roma

ÓTICAS GUIMARÃES

Caros irmãos e irmãs de toda a Diocese de Patos, Saudações!

Vendo o diálogo de Jesus com Simão Pedro e fazendo um encontro pessoal com o Papa, não posso dizer outra coisa senão: “verdadeiramente esta é a Igreja de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo”.

Aconteceu de 10 a 21 de maio a peregrinação dos bispos do regional nordeste 2 a Roma, para a visita “ad limina apostolorum“ (no limiar, nas portas dos apóstolos).

Essa visita proporciona aos bispos uma proximidade com as instâncias da Igreja católica apostólica romana, chamadas de congregações ou dicastérios; trata-se nestes ambientes de um diálogo com os bispos acerca de vários temas que são indispensáveis para a vida da Igreja e de modo particular para a promoção da unidade e da comunhão. As congregações e institutos pontifícios são vários: bispos, clero, vida religiosa e consagrada, causa dos Santos, comissão pontifícia para a América Latina, família, leigos, evangelização dos povos, comunicação, doutrina da fé, culto divino, comissão pontifícia de proteção aos menores e educação católica.

Merecem particular destaque a celebração de canonização de vários santos na basílica de São Pedro e o encontro dos bispos com o santo Padre.

Estivemos com o papa por duas horas, tempo suficiente para experimentar a sua proximidade para conosco; momento de simplicidade, acolhida e fraternidade. O Santo Padre insiste no tema da proximidade com Deus, entre nós, com os padres e com o povo. Como sempre, concluiu o encontro com um cumprimento individual e o já conhecido pedido: “reze por mim”, ou “prega per me”.

Retornamos animados e convictos de que a nossa missão deve acontecer na fidelidade à palavra de Jesus e ao Santo Padre.

A virgem Maria, Mater Apostolorum, interceda sempre por toda a Igreja.
Deus nos abençoe.

Dom Eraldo Bispo da Silva
Bispo Diocesano de Patos-PB


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo