Diretora regional do SINTEP defende aulas presenciais na rede estadual só após a vacinação em massa



A diretora regional do SINTEP-Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba, Véria Lúcia Dias de Lacerda, defendeu a volta as aulas presenciais na rede estadual, só após a vacinação em massa da população.

Durante entrevista concedida ao jornal Notícias da Manhã, da Rádio Espinharas FM de Patos, a diretora colocou que a posição em defesa de não retorno das aulas presenciais foi definido pela categoria na assembleia geral realizada no final do ano de 2020, e será mantida em relação ao calendário letivo de 2021.

“A nossa posição é que não há retorno sem vacina. Não adianta dizer que vai cumprir protocolo, por que não resolve a situação”, disse a sindicalista.

Ela citou um caso de contaminação ocorrido em uma escola de Campinas-SP, e disse que as escolas da rede pública não oferecem estrutura para garantir o distanciamento social na comunidade escolar e com isso, garantir a segurança de todos, em meio a pandemia da covid-19.

Ela também classificou o governo João Azevêdo como “intransigente”, e criticou a falta de diálogo da gestão que há mais de dois anos não discute os pleitos da categoria, mantendo em espera a resolutividade das diversas pautas apresentadas pelos profissionais da educação.


Por Genival Junior – Patosonline.com