Diretora Administrativa da Maternidade Peregrino Filho diz que mamógrafo precisa ser substituído. Ouça;



A diretora administrativa da Maternidade Peregrino Filho, em Patos, Railda Almeida, informou no jornal hora onze da Radio Universidade FM, que o equipamento mamógrafo da unidade, que está sem funcionar há cerca de quatro meses, precisa ser substituído para poder atender as mulheres de Patos e região.

Railda Almeida disse que o mamógrafo foi avaliado por uma equipe da engenharia clínica da maternidade, que concluiu pela necessidade de substituição do equipamento, que foi instalado há 25 anos e a peça não estão mais disponíveis no mercado.

“A engenharia verificou que a falha era no gerador de alta tenção. E ocorrendo que o nosso mamógrafo ele está na unidade há mais de 25 anos, e a substituição da peça é quase impossível, uma vez que ela não é mais comercializada”, explicou.

A diretora disse ainda que está aguardando a emissão de um laudo técnico que será emitido por uma outra equipe de engenharia, para repassar as informações a Secretaria de Estado da Saúde, para aquisição de um novo equipamento por meio de processo licitatório.


Por Genival Junior – Patosonline.com

Áudio da Rádio Universidade FM