Diretor presta solidariedade às funcionárias e determina mudanças no sistema telefônico do Hospital Regional de Patos



O diretor do Complexo Hospitalar Regional, Francisco Guedes, fez a publicação nesta sexta-feira, dia 04, de um vídeo se posicionando sobre a denúncia que veio à tona na imprensa dando conta de um maníaco que vem usando ramais telefônicos internos para aterrorizar funcionárias do órgão.

A denúncia ganhou grande repercussão após ser publicada no Patosonline.com e logo receber centenas de compartilhamentos nas redes sociais e também ser comentado na radiofonia.

Uma funcionária tornou público os constrangimentos que vinham sendo vivenciados por funcionárias dos setores de ortopedia, farmácia, área verde, sala de AVC, da clínica cirúrgica e até do setor de regulação médica. As ligações têm origem interna por ramal telefônico, pois se observa que o som do toque é diferente das ligações externas.

As palavras obscenas, relatos constrangedores e insinuações sexuais estava causando medo às funcionárias durante a noite e a madrugada nos plantões do Hospital Regional de Patos e outras mulheres relataram que foram vítimas na Maternidade Dr. Peregrino Filho.

Francisco Guedes prestou solidariedade às funcionárias e disse que os técnicos estão fazendo mudanças internas no sistema de telefones e nos ramais. Ele fez saber que estão buscando meios para saber de onde partiu as ligações e os trotes constrangedores. “…peço desculpas a todos e quero aqui manifestar minha indignação e dizer a todos os funcionários que fiquem tranquilos, pois estamos em ação para a solução desse caso”, completou Francisco.

Jozivan Antero – Patosonline.com