Diretor do Campos da UFCG em Patos diz que contingenciamento de recursos pode comprometer programas e serviços em 2020. Ouça;



O diretor do Centro de Saúde e Tecnologia Rural-CSTR da Universidade Federal de Campina Grande-UFCG, Campus de Patos-PB, professor doutor Sérgio Ricardo Araújo de Melo e Silva, explicou nesta terça-feira, no jornal Notícias da Manhã, da Rádio Espinharas 97,9 FM, os efeitos que vem sendo sentidos na instituição neste início de ano letivo, por conta das medidas de contingenciamento de recursos promovidas pelo governo federal.

Segundo o diretor, a redução que chega a R$ 7 milhões de reais apenas em recursos destinados a assistência estudantil, afeta diretamente programas e serviços oferecidos pela instituição, a exemplo do número de vagas em residência, auxílio moradia, bolsas para estudantes e nos serviços do restaurante universitário, aumentando de forma significativa a evasão escolar.

Sérgio Ricardo informou também que os programas de pós-graduação oferecidos pela instituição, também podem ser prejudicados em função do corte de verbas, uma vez que a reposição desses recursos depende do restabelecimento nas arrecadações do governo federal, para que as instituições de ensino superior possam manter o seu ritmo de trabalho.

O diretor alertou também que alguns programas existentes no Campos da UFCG em Patos podem ser inviabilizados com por conta do contingenciamento de recursos, o que pode prejudicar também, alguns serviços importantes a exemplo da Clínica Escola de Odontologia e do Hospital Veterinário, que são prestados a população de todo o sertão. Ouça;

Professor Doutor Sérgio Ricardo-Diretor do CSTR

Patosonline.com

Áudio de Misael Nóbrega




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.