Direção do Complexo Hospitalar de Patos divulga Nota sobre fica de fora do projeto “Opera Paraíba”



Sobre texto veiculado no Patosonline sobre a não inclusão do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro no programa Opera Paraíba esclarecemos que:

            O Opera Paraíba é realizado em hospitais que têm o bloco cirúrgico subutilizado, o que não é o caso do Complexo de Patos que atende uma demanda de emergência e urgência de mais de 80 municípios do sertão do estado, além das cirurgias eletivas que são realizadas diariamente. Vale salientar que os pacientes de Patos e de outras cidades que não participam do Programa não ficam desassistidos, pois são direcionados para  outras unidades que integram a força-tarefa.

            Os Hospitais que participam do Programa são: Hospital Regional de Guarabira; Hospital Regional de Picuí; Hospital Regional de Monteiro; Hospital Sinhá Carneiro, em Santa Luzia; Hospital Distrital de Itaporanga; Hospital Regional de Catolé do Rocha; Hospital Regional de Cajazeiras; Hospital Regional de Sousa; Hospital Regional de Itabaiana; Hospital Rui Carneiro, em Pombal; Hospital Geral de Queimadas; Hospital Geral de Taperoá e o Hospital Geral de Mamanguape

            Como o Complexo de Patos tem uma alta demanda de cirurgia de emergência, até para preservar a vida dos pacientes graves, e também porque realizamos as cirurgias eletivas oncológicas, oriundas do Hospital do Bem, que integra o Complexo, a unidade não entra no Programa Opera Paraíba..

Atenciosamente

Liliane Sena

Diretora Geral do Complexo




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.