Dinaldinho quer convocar ex-primeira dama do Estado para prestar esclarecimentos



O deputado Dinaldo Wanderley (PSDB) quer a presença da ex-primeira dama do Estado, jornalista Pâmela Bório na Assembleia Legislativa para prestar esclarecimentos sobre denúncias que fez no Blog dela sobre o governo do ex-marido Ricardo Coutinho (PSB).

Ele disse que vai apresentar um requerimento à Mesa Diretora solicitando o convite à jornalista.

Para o líder do Bloco da Minoria na Casa, é muito grave o que a ex-primeira dama escreveu em seu blog referentes a armações, comissões recebidas dos salários de servidores indicados e outros escândalos no governo de Ricardo Coutinho, seu ex-cônjuge.

“Ela morava e dormia com o governador. Ela precisa dizer que pessoas eram essas e a Paraíba precisa saber se há isso em relação ao governo do Estado ou as quais pessoas são atribuídas as denúncias. Não podemos ser colocados dentro de um mesmo saco de farinha de deputados quando sei que a maioria dos deputados são pessoas honradas, dignas e que não podem disputar esse tipo de situação”, disse.

Segundo ele, o Legislativo precisa saber quantos empregos se conseguem no Estado sob que consignação já que a ex-primeira dama disse que jamais recebeu “comissões” em salários de funcionários indicados como é praxe em meio à corrupção sistêmica no país.

“Através de quem? Promessas de quem? É isso que esta Casa precisa saber. Eu acho que devemos chamar a ex-primeira dama para que a gente possa discutir nesta casa, quem são essas pessoas. Não se pode se calar a uma injúria dessas em relação ao próprio governador, que deve sim explicações á sociedade. Eles estão separados, mas se ele tem alguma coisa contra o governador que diga. Que venha aqui e diga se realmente existe isso no governo do Estado”, destacou.

Fonte: Paraibaonline de João Pessoa (Hacéldama Borba)
Foto: Paraibaonline