Politica

Dinaldinho diz que não houve acordo para Mirna ser vice de Lenildo. “Não houve conversa neste sentido”

ÓTICAS GUIMARÃES

Após a desistência do médico Érico Djan (Cidadania) de ser candidato a prefeito de Patos nas próximas eleições, começaram rumores e boatos de qual seria o rumo que o grupo de Dinaldinho Wanderley iria tomar, já que Mirna tinha sido anunciada como vice na chapa de Érico.

Houve inclusive a divulgação de que Dra. Mirna seria vice na chapa de Lenildo Morais (PT), com o aval do governador João Azevedo, que teria “costurado” a união.

Sobre essa possibilidade, a Redação do Patosonline.com entrou em contato com Dinaldinho Wanderley na noite desta segunda-feira (10) para confirmar ou não a informação. Dinaldinho foi enfático e disse a informação não procede, não tendo existido reunião nesse sentido.

Não procede composição com Lenildo, não houve conversa neste sentido. Aguardarei o Governador para explicações posteriores”, disse Dinaldinho ao Patosonline.com.

Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo