Derrota do Treze para o CSP derruba mais um técnico no Paraibano 2020

Foto: Divulgação / Bruno Rafael – Rádio CBN



O técnico Celso Teixeira não resistiu à derrota para o CSP e foi demitido pela diretoria do Treze no início da tarde desta terça-feira (03).

A informação foi confirmada pelo próprio treinador ao repórter Bruno Rafael, da Rádio CBN de Campina Grande.

Com Celso, deixam o Galo o auxiliar Gabriel Teixeira, o preparador físico Victor Hugo e o treinador de goleiros Maurício Aguiar.

Menos de 24 horas depois do revés por 2 a 0 para o CSP, em meio a protestos da torcida nas redes sociais, o diretor de futebol do Galo, Ivandro Cunha Lima Neto, reuniu-se com o treinador e anunciou sua demissão.

Por volta das 15h, Teixeira esteve no estádio Presidente Vargas para pegar seus pertences e se despedir de jogadores e funcionários.

Celso pareceu bastante chateado, porém tranquilo. Ele convocou uma entrevista coletiva para a tarde desta quarta-feira (04), quando promete revelar “a real situação do Treze” para imprensa e torcida.

Nos bastidores, o treinador chegou a fala em três meses de salários atrasados e disse que só deixa Campina Grande quando receber seus vencimentos.

Até o momento nenhum membro da direção alvinegra falou oficialmente sobre a demissão de Celso.

O treinador sai do Treze após seis partidas no Campeonato Paraibano 2020. Sob o comando dele, o Galo somou até agora 10 pontos, distribuídos em três vitórias, um empate e duas derrotas, ocupando a terceira colocação do Grupo A, fora da zona de classificação para as semifinais.

O próximo desafio da equipe está marcado para o próximo domingo, contra o São Paulo Crystal, no PV.


Paraibaonline




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.