Denúncia anônimas levam a polícia a apreender armas de fogo e droga em Patos



Na última quinta-feira (19 de novembro), após recebimento de denúncia anônima, informando que uma Mulher da Cidade Patos foi à cidade de Campina Grande, buscar substâncias entorpecentes para distribuição em Patos, a equipe da Delegacia de Homicídios de Patos, em ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal, por volta das 19h00min, realizaram a apreensão de uma adolescente que vinha da cidade de Campina Grande, em um táxi, na BR-230, no Posto da PRF em São Mamede.

Com a adolescente foram apreendidos aproximadamente 1kg de Substância semelhante ao Crack e 0,5 kg de substância similar à Maconha.

A adolescente foi ouvida, e por se tratar de crime sem a prática de violência ou grave ameaça, foi entregue ao seu responsável legal sob o compromisso de apresentar a adolescente em Juízo.

No dia seguinte (20), nova denúncia anônima aportou nesta Delegacia Especializada informando sobre a vinda de armas de fogo para a cidade de Patos, armamento que viria da cidade de João Pessoa, e, por volta de meia noite, a equipe da Delegacia de Homicídios de Patos, mais uma vez em operação conjunta com a PRF, na BR-230, no Posto da PRF em São Mamede realizou a apreensão de um adolescente que vinha em veículo táxi vindo da cidade de João Pessoa, sendo encontrado e apreendido em poder do adolescente dois revólveres calibre .38, desmuniciados.

O adolescente se recusou a informar quem era o proprietário das armas.  E por se tratar de crime sem a prática de violência ou grave ameaça, foi entregue ao seu responsável legal sob o compromisso de apresentar a adolescente em Juízo.

As investigações seguem em sigilo para identificar os verdadeiros proprietários das drogas e armas de fogo apreendidas.

Assim, a Polícia Civil pede que a população de Patos faça uso do disque 197, pois o sigilo é absoluto.

Fonte – Delegacia de Homicídio de Patos