• Dra Milena
Policial

Delegado se pronuncia de maneira oficial sobre morte de jovem em cela de delegacia da Polícia Civil

De acordo com Yuri, na madrugada de sábado para domingo, foi constatado na sede da carceragem da 15ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, o suicídio do jovem Afonso Medeiros da Silva, de 25 anos.

ÓTICAS GUIMARÃES

No início da noite deste domingo, dia 30 de janeiro, o Delegado Secional da Polícia Civil de Patos, Yuri Givago, se pronunciou acerca do caso envolvendo a morte de um jovem dentro de uma cela da Delegacia de Polícia Civil de Patos, fato esse ocorrido durante a madrugada de hoje (30).

De acordo com Yuri, na madrugada de sábado para domingo, foi constatado na sede da carceragem da 15ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, o suicídio do jovem Afonso Medeiros da Silva, de 25 anos.

Segundo Yuri, Afonso foi preso na noite de sábado (29), após ter praticado um crime de roubo em uma farmácia localizada no Centro da cidade, e ficou retido na sede da carceragem ao aguardo de uma decisão judicial, seja ela a conversão preventiva ou liberação mediante alvará de soltura. Os policiais o colocaram sozinho dentro da referida cela.

Porém, o delegado conta que hoje pela manhã constatou-se que ele estava morto com uma cueca enrolada no pescoço. Após ser verificado o óbito, o delegado plantonista acionou o IML (Instituto Médico Legal) e também a Polícia Científica, para constatar a causa da morte do jovem mediante laudos periciais e verificar que houve efetivamente o suicídio.

Yuri conta que a investigação da morte do jovem Afonso já foi instaurada, os procedimentos de lavratura estão sendo realizados e no prazo de 30 (trinta dias) será entregue a justiça o inquérito policial relativo a essa morte.

Ouça mais detalhes no áudio abaixo:

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo