Delegado pede que idosos denunciem golpes à polícia



O delegado titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil de Patos, no Sertão, Manoel Martins, está orientando as pessoas que estão sendo vítimas de golpes na cidade, a registrarem queixa à polícia, do contrário, o delegado lembra que não tem como investigar esta situação.  

 

Segundo denúncia de algumas pessoas, porém não registradas na Polícia Civil de Patos, dois homens de estatura média, com idade de aproximadamente 50 anos, estão aplicando golpes contra idosos, conseguindo, com boa conversa, convencê-los a entregar o dinheiro de suas aposentadorias.

 

O delegado Francisco Martins disse que até o momento não tem nenhum caso desta natureza registrado na PC. Os golpistas, conforme as denúncias das vítimas se passam por funcionários da Prefeitura de Patos. Estes usam pacotes sem nada dentro, dizendo ser dinheiro para ser depositado e que precisam de uma pessoa que sirva como testemunha da transação. 

 

Segundo algumas vítimas, o golpe funciona da seguinte maneira: os golpistas entregam um pacote supostamente com dinheiro para que a pessoa não tenha dúvidas da transação financeira, depois pede para a vítima entregar suas economias deixando a mesma com a caixa vazia e eles fogem com o dinheiro. 

 

Na manhã da última quarta-feira uma mulher de 80 anos, foi abordada pela dupla, que disseram ser funcionários da prefeitura e precisavam de uma testemunha.  A aposentada, que acabou entregando o dinheiro da aposentadoria aos golpistas, foi seguida pela dupla que a deixou bastante confusa pela conversa fácil.