• Dra Milena
Policial

Delegado divulga detalhes de tentativa de homicídio registrada na noite deste domingo (09), no bairro Jatobá, em Patos

O jovem foi socorrido ao Complexo Hospitalar Regional de Patos, onde passou por cirurgia, já foi extubado e está em estado de saúde regular, sem risco de vida.

ÓTICAS GUIMARÃES

Na manhã desta segunda-feira, dia 10 de janeiro, o Delegado Seccional da Polícia Civil de Patos, Yuri Givago, concedeu entrevista a TV Sol e divulgou mais detalhes acerca da tentativa de homicídio registrada na noite de ontem (09), no bairro Jatobá, setor sul de Patos.

De acordo com o Delegado Yuri, era por volta das 21h00min quando o jovem Lucas, vulgo “Lukinhas”, transitava com a sua namorada pela Rua 19, também chamada de Rua São Paulo, no bairro do Jatobá, e foi abordado por aproximadamente três ou quatro homens.

Os indivíduos solicitaram o celular da vítima, analisaram alguns dados do aparelho, apagaram vários outros dados, devolveram o telefone à vítima e em seguida efetuaram cinco disparos contra ela, sendo 4 tiros de revólver e 1 de espingarda, que atingiram o tórax, braços, nádegas e outras partes do corpo. Após o crime, os suspeitos fugiram do local.

O jovem foi socorrido ao Complexo Hospitalar Regional de Patos, onde passou por cirurgia, já foi extubado e está em estado de saúde regular, sem risco de vida.

O Delegado disse ainda que a Delegacia de Homicídios e Entorpecentes (DHE) iniciou a investigação preliminar, já coletando dados sobre a vítima, constatando que a mesma não tem passagens pela polícia, e coletando informações do local acerca da existência de câmeras e testemunhas oculares do crime. A Delegacia vai dar continuidade às investigações, e após a alta da vítima, concluir o inquérito indicando os autores do crime.

Perguntado sobre o envolvimento do jovem na criminalidade ou alguma facção, o delegado disse que será investigado: “O envolvimento dele será investigado, e constatado se ele fazia parte de alguma facção e se essa facção que ele participava está envolvida nesse crime”, complementou.

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo